Customize

Green Brief nº 72 em português (9 de Setembro – 18 Shahrivar)

Discussion in 'Green Brief' started by mahagonny, Sep 15, 2009.

  1. mahagonny Member

    (tradução portuguesa do Green Brief nº 72, por Josh Shahryar (Josh Shahryar (Iran_Translator) on Twitter e Josh Shahryar (joshshahryar) on Twitter); o original encontra-se aqui)

    (Estas notícias foram compiladas através de utilizadores do twitter no Irão e no estrangeiro, para além de contactos dentro e fora do Irão. Fontes dos media foram creditados quando utilizadas. Como as notícias que saem do Irão não podem ser totalmente autenticadas, quando uma notícia confirma algo, na melhor das hipóteses confirma que várias fontes fiáveis concordam com os factos.
    Esta compilação de notícas foi publicada com uma licença Creative Commons (CC) e pode ser republicada com a condição de ser indicado um link para a fonte original.)


    Protestos / Agitação

    1. Notícias parcialmente confirmadas de Teerão e outras cidades sugerem que o governo tem enviado alguns estudantes, talvez centenas, que residem em lares universitários para casa, em antecipação dos protestos de 18 de Setembro. De acordo com a fonte, estes estudantes foram identificados em anteriores manifestações e o governo não quer correr riscos com eles.
    Notícias não confirmadas indicam que o governo poderá estar prestes a encerrar as residências universitárias.

    2. Verdes por toda Teerão têm feito e distribuído folhetos nas principais cidades para levar as pessoas para as ruas. Um exemplo, o folheto para Mashhad: 32323.jpg (image)

    3. Novas notícias sugerem que agentes do Procurador-Geral de Teerão levaram 15 caixas de documentos do gabinete dos Defensores dos Direitos dos Prisioneiros. O escritório foi revistado ontem e encerrado por ordem do Procurador-Geral.

    4. Um vídeo dos protestos relatados no último GB: YouTube - People Arresting a basiji and letting him go to safety
    (não relacionado com as concentrações em frente à prisão de Evin e aos Tribunais Islâmicos)
    Não foi possível ainda confirmar se estes protestos ocorreram de facto ontem.

    5. Houve reuniões por ocasião do 19º dia do Ramadão em Teerão, Tabriz, Gorgan e Zanjan, onde participaram muitos reformistas e Verdes.
    Relatos em Persa:
    Teerão: اخبار دانشگاه‌ها - بانگ الله‏اکبر در خوابگاه شهید چمران دانشگاه تهران
    Tabriz: گزارش مراسم شب نوزدهم ماه رمضان در تبریز
    Gorgan: گزارش مراسم شب نوزدهم ماه رمضان در گرگان
    Zanjan: گزارش مراسم شب نوزدهم ماه رمضان در زنجان

    6. Cânticos de Allah u’Akbar foram ouvidos mais fortes que nunca nas noites anteriores, bem como alguns protestos contra o governo pela prisão de Alireza Beheshti.

    7. Trabalhadores do Complexo Industrial e Agríciola Haft Tapeh entraram em greve e manifestaram-se na quarta-feira. Centenas de trabalhadores exigiram que o seu salário seja pago a horas, bem como o pagamento do trabalho extraordinário, e aumentos de salário. Os manifestantes juntaram-se em frente aos escritórios dos gestores e permaneceram até ao fim do seu horário de trabalho.


    Oposição

    8. Mir Hossein Mousavi divulgou uma declaração em resposta à detenção de Alireza Beheshti e outros reformistas. A tradução completa, feita pela equipa de Moussavi no Facebook e corrigida pelo NiteOwl, está no ponto 8. do GB original (em inglês).

    9. Numa entrevista ao Los Angeles Times, Mehdi Karroubi reafirmou o seu empenho em obter justiça para os oprimidos.
    “Sinto a obrigação de defender os direitos do povo”, disse Karroubi. “As mudanças políticas podem surgir de duas formas. A mudança que pedimos é uma mudança dentro do sistema e da constituição, o respeito pelos direitos de cidadania.”
    Não especificou sobre a estratégia da oposição, mas esboçou os objectivos para os próximos meses: aliviar as restrições sobre os media, liberdade de reunião, fim dos julgamentos de figuras da oposição e revisão das leis para evitar que a linha dura do Conselho dos Guardiães de ter a palavra final nas eleições.
    A entrevista completa: Iranian cleric stands his ground against authorities -- latimes.com

    10. Novas notícias de Qom indicam que Khamenei tentou atrair os clérigos que se opõem a Ahmadinejad enviando Sheikh Mohammad Yazdi para falar com eles. Os clérigos não falaram com Yazdi, e as relações entre aqueles e Khamenei estão a deteriorar-se.
    O Grande Ayatollah Safi-Golpayegani enviou uma carta a Khamenei sobre as ministras do governo, manifestando a sua oposição pela nomeação de mulheres, contudo Khamenei respondeu dizendo que ele era o Supremo Líder e que os outros clérigos deviam permanecer fora dos assuntos do governo.
    O Ayatollah Nouri Hamedani encontrou-se com o Ayatollah Safi-Golpayegani e manifestou o seu pesar pelas felicitações a Ahmadinejad, dizendo que foi levado a fazê-lo pelo governo.
    Outras notícias indicam que alguns dos clérigos da oposição pretendem convidar o Grande Ayatollah Ali Sistani do Iraque a vir ao Irão e avaliar a situação. Esta proposta foi bem acolhida pela maior parte dos clérigos e será levada a cabo brevemente.

    11. De acordo com sites detidos pelo governo, Mohammad Ali Abtahi, numa conversa telefónica com Karroubi a partir da prisão, queixou-se de ser descrito como traidor pelo jornal de Kasrroubi. Isto não pôde ser confirmado através de serviços noticiosos independentes ou reformistas.

    12. A Associação de Mulheres Reformistas divulgou uma declaração contra o tratamento de prisioneiros e a falta de acção do governo contra os autores de violência.

    13. 300 gestores e trabalhadores que no passado trabalharam com Shapur Kazemi, o irmão de Zahra Rahnavard que foi detido, enviaram uma carta a Sadegh Larijani pedindo a sua libertação imediata.


    Governo / Internacional

    14. Num encontro com funcionários do governo, na presença de Ahmadinejad, Khamenei elogiou-o como sendo “enérgico” e “incansável” e disse que rezava por ele e alguns outros membros do governo frequentemente.

    15. O responsável do Centro de Detenção de Kahrizak que tinha sido preso e libertado foi novamente preso por ordem do Chefe do Poder Judicial, Sadegh Larijani. Tinha sido preso anteriormente e libertado após algumas horas, por pressão de altos funcionários do governo.

    16. Sadegh Larijani disse hoje que o que tinha sucedido nos centros de detenção tinha provocado grandes danos no regime, e que o Poder Judicial iria investigar essas violações cuidadosa e vigorosamente.
    Disse também que alguns tinham chamado as eleições de fraudulentas e tinham tentado sair fora do “círculo da legalidade”, que as violações da lei tinham-se tornado generalizadas e que tinha observado que, na sequência das eleições, essas acções tinham tido um grande custo para o regime islâmico. Disse ainda que os que violaram as leis não deveriam pensar que não estão a ser observados, e que o Poder Judicial deverá investigar essas pessoas legalmente.

    17. O comandante do Corpo da Marinha dos Guardas da Revolução Islâmica, o contra-almirante Morteza Saffari, disse que os inimigos do Irão tinham mudado a sua estratégia para uma de “guerra de baixa intensidade” contra o país. Disse que tinha sido lançada uma “guerra mediática” contra o Irão e que havia esforços para desencadear “desobediência civil” no país, como partes dessa “guerra de baixa intensidade”.
    “A estratégia dos Estados Unidos para enfrentar a República Islâmica do Irão baseia-se neste tipo de medidas”, notou, mas os Estados Unidos continuam a ameaçar um ataque militar, notou.

    18. O presidente venezuelano, Hugo Chávez, disse na quarta-feira ao jornal francês Le Fígaro que Ahmadinejad era um aliado e amigo, e que tinham acordado a transferência de tecnologia nuclear para a Venezuela durante a sua visita a Teerão na semana passada.

    19. O Irão apresentou o seu novo pacote de propostas às nações do grupo 5+1. O pacote foi apresentado na quarta-feira pelo Ministro dos Negócios Estrangeiros iraniano, Manouchehr Mottaki, aos embaixadores da China, França, Alemanha, Rússia e Suiça (em representação dos Estados Unidos) e ao encarregado de negócios britânico em Teerão. Não há detalhes sobre as medidas incluídas no pacote.

    20. Surgiram notícias da implicação dos Guardas da Revolução no 11 de Setembro, incluindo o financiamento de organizações terroristas, logística e mesmo um envolvimento directo nos atentados. Até agora as notícias são incompletas e devem ser olhadas com cuidado até que surjam mais informações.
  2. mahagonny Member

    Green Brief nº 72 em português (9 de Setembro – 18 Shahrivar) - cont.

    (cont.)

    Detenções / Libertações / Mortes / Tortura

    21. Mohammad Ozlati-Moqaddam, um antigo comandante dos Guardas da Revolução e líder da facção de veteranos da campanha de Mir Hossein Mousavi, foi preso em sua casa. Ozlati-Moqaddam, que fez parte do ramo político dos Guardas da Revolução juntamente com Hossein Shariatmadari e Hossein Safar-Harandi, foi preso na terça-feira depois de a sua casa ter sido revistada.

    22. Notícias parcialmente confirmadas indicam que Alireza Beheshti foi espancado depois de uma altercação com um dos seus captores. As notícias sugerem que partiu a cabeça e foi hospitalizado, onde foi socado novamente na cara por um dos captores. Depois de ser tratado foi levado para local desconhecido.

    23. Sayed Ali Akbar Kheradnejad, um preso recentemente libertado, falou dos horrores da detenção a uma organização iraniana de direitos humanos. De acordo com Kheradnejad, que participava numa manifestação na praça Waliasr em Teerão quando foi preso, as forças de segurança usaram gás pimenta nos seus olhos, bateram-lhe com um bastão e depois prenderam-no.
    Foi repetidamente encarcerado à parte com outros prisioneiros e deixado à fome durante dias, ou então pobremente alimentado. Esse grupo de prisioneiros foi repetidamente espancado, vendado, interrogado e mantido em celas sobrelotadas.
    Acrescentou que algumas pessoas foram torturadas tão brutalmente que tinha ouvido que alguns dos que participaram na tortura se opunham a tão grande brutalidade.

    24. Notícias parcialmente confirmadas sugerem que Sadegh Noroozi, um político reformista, foi libertado hoje.

    25. Agentes do Ministério da Informação terão dito aos jornalistas que foram interrogados ontem acerca de uma carta enviada ao Chefe do Poder Judicial que se os seus nomes aparecessem em alguma carta ou declaração no futuro seriam presos. Os jornalistas receberam 3 opções: negar as assinaturas, ir a tribunal ou trabalhar para o Ministério da Informação. Os jornalistas terão declinado todas as opções.

    26. Isa Saharkhiz, um jornalista iraniano detido, disse à família que a tecnologia vendida pela Nokia ao governo foi directamente responsável pela sua detenção. O seu filho, Mehdi Saharkhiz, manifestou a sua intenção de processar a Nokia e está em contacto com advogados acerca deste assunto.

    27. Novas notícias indicam que o julgamento dos violadores do Centro de Detenção de Kahrizak não será público.


    Vários

    28. Verdes no Festival de Cinema de Veneza: Venice Film Festival - Yahoo! News Photos

    29. “Esverdeamentos” em Qom: گزارش تصویری / جشن سبز رمضان در قم

    30. Um site bonito para comemorar Neda e os seus amigos: neverforget.us


    Protestos Internacionais / Eventos / Avisos / Esforços

    31. O Projecto Luz Verde pode ser mesmo feito para ti!
    Project Green Light: Project Greenlight - #iranelection on Twitpic

    32. Para mais informações sobre os protestos em New York, visitem http://standbyiran.org ou http://united4iran.org/

    33. Informação sobre transportes da Maryland e Virginia para New York para o protesto de 23 de Setembro: Protests to welcome Ahmadinejad at UN in New York

    34. Para uma lista não oficial de protestos a ter lugar proximamente nos Estado Unidos: Protesting for Iran until they don't have to

    35. Para uma lista dos protestos que estão a ser planeados na Alemanha, visitem este link: Julia's Blog: Protests and rallies in Germany (subject to change w/o notice)

    36. Um site assertivo de apoio a Verdes traumatizados: Healing the Green Soul

    (Se vocês, os vossos amigos ou a vossa organização realizarem eventos, manifestações ou qualquer outra coisa relacionada com as eleições iranianas internacionalmente, por favor enviem-me um email com pormenores e dar-vos-ei cobertura. (Só vos custará 10 milhões de dólares!) O meu email é: dbosca@gmail.com)


    A quem quer ajudar

    - Informação sobre a republicação do Green Brief: For Bloggers, News Sites and Forum who want to republish the Green Brief Plesae Read! - Why We Protest - IRAN

    - Informação sobre o Tor: http://torir.org

    - Esta página contém uma lista de mirrors externos para o GB, tal como várias informações sobre o GB. Links para traduções também são encorajados: Category:Green Brief - Anonymous Intelligence Collective

    - Uma lista de todos os Green Briefs: The Green Briefs

    - Um agradecimento caloroso a Sahar Joon e S joon pela ajuda com a revisão e dicas valiosas. Também um MUITO OBRIGADO a todos os tradutores que têm passado o seu tempo precioso a fazer chegar isto a tantas pessoas quanto possível.

Share This Page

Customize Theme Colors

Close

Choose a color via Color picker or click the predefined style names!

Primary Color :

Secondary Color :
Predefined Skins